Mais dinheiro para estádios de futebol! Cadê o esforço público em reduzir a mortalidade materna?

20 out

 

 

Baixa qualidade da assistência na gravidez

A baixa qualidade da assistência à gravidez não reduz a mortalidade materna no Brasil

Um recente estudo publicado na conceituada revista The Lancet apontou que o Brasil não conseguirá cumprir com as metas estabelecidas para a redução da mortalidade materna no país. Alguns fatores são apontados para o descumprimento, entre eles o excesso de cesarianas.

Entretanto, acredito que a vontade política faz toda a diferença. É assustador ver o montante de dinheiro investido em obras eleitoreiras, como os estádios da Copa de 2014. Somente a obra do “novo Maracanã” custará algo em torno de R$1 bilhão de reais. Imaginem como esse dinheiro poderia ajudar na construção de hospitais, casas de parto e melhorias na equipe e na estrutura de atendimento à mulher e aos bebês! Pena que isso não dê votos nas urnas…

Se o Governo priorizasse a atenção à saúde materna infantil talvez as metas de redução pudessem ser atingidas até 2015. Triste inversão de valores. Cabe a nós questionar essas prioridades. Vocês podem acessar uma matéria sobre o tema no site da BBC, o link segue abaixo. Vamos reivindicar o direito universal à saúde de qualidade!

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2011/09/110920_mortalidade_brasil_pu.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: